Andy Hope dá vida a autênticos personagens e os traz para Fachada nº 127 da El Cabriton

Andy Hope dá vida a autênticos personagens e os traz para Fachada nº 127 da El Cabriton

13 de março de 2020 1 Por Carol

Artista desde 1996, Anderson Hope sempre gostou de desenhar. Isso veio através de seus pais que o incentivaram quando criança. Quando adolescente, Anderson começou a pintar as ruas de seu bairro por incentivo de um amigo: “Tive uma passagem rápida na pichação e isso fez com que eu evoluísse um pouco mais.” 

Foi quando decidiu estudar modelo vivo, e com essa experiência foi se aperfeiçoando cada vez mais. O artista sempre teve aptidão em fazer personagens sabendo que com o tempo teria que haver a evolução de um estilo. Então parte do tema que pinta hoje retrata o cotidiano do bairro em que nasceu e mora, que é a cidade Tiradentes na Zona Leste de SP“Me inspiro muito com esse lugar pra fazer meus personagens. Sempre convido outros artistas pra pintar e viver uma nova experiência junto comigo.”

ANDY HOPE

Conhecido no meio também como Andy Hope, o nome surgiu em 2003 através de um amigo chamado Renato que também desenhava. “Nos reunimos e começamos a assinar esse nome, porém ele parou de pintar e dei continuidade com o nome Hope. Por me chamar Anderson, algumas pessoas me chamam de Andy Hope e acho interessante essa ligação”.

Andy Hope atualmente é bastante reconhecido pelos personagens de traços característicos, detalhes impressionantes inspirados nas expressões humanas observadas em seu convívio. Cada um deles contam histórias e trazem a tona sentimentos.

Além dos personagens, cores autênticas se misturam, e o trabalho de Andy Hope têm a assinatura característica com abelhas. A mensagem subliminar por trás é que elas representam o coletivo, união, força. “A abelha, uma morre pela outra. No momento que ela dá uma ferroada em alguém, ela sabe que ela vai morrer, mas o que eu vejo, é que ela se doou por aquilo.”

ANDY HOPE SOBRE O PROJETO FACHADA DA ELCABRITON

“Quando recebi o convite fiquei grato demais porque sempre tive o desejo de fazer parte desse projeto. Foi algo diferente pra mim. Ver as pessoas, o movimento na rua Augusta, as perguntas sobre o meu trabalho. Enfim, sem palavras! Depois, de poder ver meu trampo na fachada da ELCABRITON. Sou grato a Deus por tudo que está acontecendo na minha vida em relação a arte.”

Acompanhe o trabalho do incrível Andy Hope no Instagram.