Os 5 melhores botecos de SP, segundo nós mesmos.

Os 5 melhores botecos de SP, segundo nós mesmos.

22 de janeiro de 2019 1 Por senorelcabriton

São Paulo, essa cidadezona da porra, nossa casinha, está de aniversário. Comemora 465 anos nesse dia 25/01!!

E nós, querendo fazer a blogueira, decidimos indicar o locais que melhor receberiam essa comemoração de aniversário : botecos!


Estamos falando de botecos no sentido mais literal da palavra: mesas de plástico na rua, cerveja de garrafa de litrão (de preferência), torresmo e ovo azul na vitrine e zero dress code.

Um lugar democrático para ir de chinelo, levar o cachorro junto e juntar a galera.


Uma coisa não podemos negar: temos vasto conhecimento nesse tipo de ambiente. Essa listinha não é um ranking. É apenas uma série de indicações pretensiosas da nossa parte, dos locais onde gostamos de gastar os nossos talkeis que suamos o mês inteiro para juntar. E saímos satisfeitos.

Então beninas e beninos, conheçam nossos favoritinhos:

Jhony’s

botecos de sp

Jhonys é o rei de Santa Cecília, bairro central de SP. Sempre lotado, principalmente aos fins de semana, o bar tem atendimento simpático, preço justo e um cardápio cheio de clássicos. Dá para chegar na hora do almoço, mandar um parmegiana para dentro e continuar a tarde toda por lá, apenas observando o belo movimento de pessoas pelas ruas do bairro. 
Caso o Jhony’s I esteja lotado, existem mais 2 filiais no bairro <3

R. Canuto do Val, 241 – Vila Buarque

Estadão

estadao

Aberta desde 1968, a casa tem como destaque o sanduíche de pernil, mas serve coxinha, pão de queijo, misto e feijoada 24 hrs por dia. É a tradição da tradição da cidade e cai perfeitamente para a larica da madrugada ou para encostar do lado de fora e tomar cervejinha durante a tarde.

Viaduto Nove de Julho, 193 – Centro

Violeta Bar

violeta bar

Tem tudo o que procuramos e citamos na descrição acima: cerveja gelada, variedade, petiscos e mesas na calçada. A vantagem do Violeta é que ele é grande. Tem muitas mesas e por isso cabe muita gente. Não que isso impeça a fila de espera de sexta e sábado.
Fica no meio da Rua Augusta (sentido centro), o espaço mais concorrido da noite. Ideal para um esquenta antes de ir para outro lugar.

R. Augusta, 1343 – Consolação

Bella Jaú

bella Jau

O boteco foi adotado pela molecada mais jovem e virou um grande ponto de encontro. Localizado na esquina com a Avenida Rebouças e a Alameda Jaú , a rua chega a ficar fechada, repleta de gente na calçada, conversando, bebendo e ouvindo música. Os preços são imbatíveis. Ideal para um dia de orçamento baixo. (Havia épocas em que o litrão custa R$ 7,50)

Alameda Jaú, 2027- Jardins

Shuffle

shuffle bar

O Shuffle não é um boteco. Mas tem alma de boteco: atendimento simpático, aconchegante e quitutes deliciosos. Todos vegetarianos.
Cadeiras de praia e receitas elaboradas de drinks dão o toque especial. O bar tem programação musical especial e mostra de filmes e exposições.

R. Ana Cintra, 132 – Campos Elíseos

Bora passar o feriado no boteco? Indica o seu favorito pra gente aqui!

ps: estamos morrendo de vontade ir para Alagoas conhecer esse boteco aqui, que teve as mesas na calçada proibidas e alugou um caminhão para colocá-las.